A ARQUIBANCADA NA REDE - WEB ARQUIBANCADA
"Em 40 anos de jornalismo, nunca vi liberdade de imprensa. Ela só é possível para os donos do jornal". (Cláudio Abramo, que dirigiu Folha e Estadão)

Busca

Pesquisa personalizada

7 de jul de 2008

Ganhamos um ponto

Sim, ganhamos um ponto. Se em campeonato de pontos corridos um empate é considerado ruim, pois se deixa de ganhar dois pontos, no jogo de ontem podemos comemorar, pois com o futebol bisonho apresentado no início do jogo onde deixamos de tomar mais um três gols, graças ao Santo milagreiro.

Luxemburgo, por conta dos diversos desfalques, e para preservar - segundo o papo dos 'boleiros' - os jovens, escalou uma defesa inteira nova. Aliás, o Jeci (se diz JÉCI, não JECÍ) nem direito foi apresentado e foi para o jogo.

Dois laterais novos (e inexperientes), miolo de zaga onde o que mais vestiu a camisa do Verdão é Gladstone (2 jogos). No meio, Pierre se desdobrando para cobrir um buraco causado pela partida pífia da dupla Martinez e Léo Lima, e Diego Souza que só acordou nos minutos finais. No ataque Lenny inexpressivo e Alex Mineiro tendo que vir até a intermediária adversária para buscar a bola, pois essa teimava em não chegar. Aliás, o vi armando o jogo ontem. Tudo errado.

Por tudo isso, não poderia ser diferente. Sufoco no início, milagres de São Marcos e, em uma das falhas mais recorrentes desse time de Luxembrugo, em um escanteio inexistente, falha do miolo de zaga, Jeci subiu(?) com o avante do Galo e perdeu. Essa não deu para o Santo.

Quando as coisas pareciam que iriam melhorar, pois o 'discípulo' de Luxembrugo, o técnico Gallo do Galo, deixa sua equipe recuar e o Palmeiras começa a equilibrar o jogo, o homem do apito arruma um pênalti para o Atlético. Bola na área verde, o lateral do verde Jefferson tenta tirar a bola e levante o pé, o péssimo árbitro Evandro Rogério Roman aponta a cal. Parêntese: Não foi pênalti, no máximo jogo perigoso e falta em dois lances, mas que o lance de nosso lateral foi bisonho, isso foi. Fecha parêntese. Na cobrança uma paradinha de quem nunca deve ter treinado isso e lá estava o Santo novamente. O Palmeiras leva só um a zero contra para o vestiário.

Broncas de Luxemburgo, algumas alterações durante o segundo tempo e o Palmeiras foi tomando conta do meio e encurrala o Galo, entretanto nada de chutes a gol. Do jeito que estava somente em uma bola parada poderíamos empatar o jogo. Na primeira chance desse tipo Gladstone quase empata (detalhe: Luxa desautorizou a cobrança de Diego Souza). Na segunda oportunidade Diego não cumpriu as ordens do chefe e mandou a bola no ângulo esquerdo do goleiro e empatou o jogo. No mesmo lance o violento César Prates foi expulso por chutar a bola, já com o lance parado, para longe. O Palmeiras encorpou e poderia ter virado o jogo, não fosse a já sabida dificuldade do Denilson em finalizar. Fim de jogo. Ganhamos um ponto e estamos no bolo. Dezessete pontos e fora do G4 pelo saldo de gols.

Destaques


Somente Marcos pelos milagres operados e Diego Souza por quinze minutos de, digamos, Diego Souza, e por ter desobedecido ao chefe e feito o gol de empate. O resto...

Na próxima quinta-feira, com uma ‘friaca’ danada (às 20:30), enfrentaremos em casa o fraquíssimo Figueirense. Valdívia volta, perdemos o Martinez, o Elder não joga por estar machucado, a dupla de zaga deve ser a mesma, Leandro pode ser que jogue. Mas, mesmo com um número ainda grande de desfalques tem que ser três pontos, e sem sustos.

No domingo jogo contra a Madame (mais três pontos). Por falar em Madame, o que será que fará o tribuinal? Fossem jogadores do Palmeiras seriam citados em artigo que suspende por 560 dias. Mas, se trata do time do Jardim Leonor, o time do procurador e o time do Promotor Público (aquele que acredita que a Mancha recebe treinamento do Hamas). Aliás, o que dirá a imprensa sobre a 'briga'? Fosse no Palmeiras dois jogadores se estapeando em campo a imprensa estaria explorando uma certa 'desunião' do elenco, estaríamos em crise. Mas, como lá é o Jardim Leonor, o time que dá chá com biscoitinhos para a imprensa, foi somente coisa de jogo.

Forza Palestra!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro Palmeirense, aqui você pode fazer seu comentário. Como bom Palmeirense CORNETE!!!