A ARQUIBANCADA NA REDE - WEB ARQUIBANCADA
"Em 40 anos de jornalismo, nunca vi liberdade de imprensa. Ela só é possível para os donos do jornal". (Cláudio Abramo, que dirigiu Folha e Estadão)

Busca

Pesquisa personalizada

18 de jan de 2008

Luxemburgo X Milton Leite

Estava eu zapeando a TV hoje à tarde quando ouço o Luxemburgo 'passando um sabão' no Milton Leite durante o Arena Sportv. Não entendi direito, pois 'peguei o bonde andando'. Agora, lendo o Observatório Verde, tomei conhecimento do ocorrido. Peço licença ao pessoal do OV para copyleftar, na íntegra, o post deles sobre o ocorrido.

UM SENHOR PASSA-MOLEQUE: LUXA DÁ CALOR NA IMPRENSINHA

Rolava o debate no Arena Sportv* sobre a recente contratação de Léo Lima pelo Palmeiras. Desde o início Milton Leite atacou a contratação de forma veemente, disse que Léo Lima não tinha ido bem em nenhum time pelo qual passou e que não via sentido em integrar o grupo alviverde. Mais, disse que era uma pena o Palmeiras confiar tanto em Luxemburgo, que havia trazido mais de 40 jogadores para o Santos. “Esse tipo de contratação nos faz suspeitar de que tem algo a mais”, disse Milton.

Caio, que integrava a mesa com Oscar Ulisses e Cereto, defendeu a contratação, dizendo que Luxemburgo conhece Léo Lima e que pode saber mais do que eles, comentaristas. Novamente Milton Leite foi tão veemente na condenação que Oscar Ulisses e Cléber Machado, que ensaiavam também defender a contratação, acabaram silenciando-se.

Então o bloco se encerra e temos um intervalo.

Na volta, Luxemburgo está ao telefone e passa um senhor passa moleque em Milton Leite. Diz que seus advogados o procurarão, já que foi insinuada uma ilucitude na coisa toda. Afirma sua trajetória vitoriosa como treinador e enfatiza a boa passagem pelo Santos, que rendeu dois campeonatos paulistas, uma chegada em semi-final na Libertadores, e um vice-campeonato brasileiro. Aproveita para esclarecer a situação de Léo Lima. Saiu do Santos porque ganhava 120 mil e não era titular. No Palmeiras, vai ganhar 50 mil, sendo 20 mil de salário-base e mais 30 mil se jogar 70% das partidas. É jogador para compor o elenco, já que na função o Palmeiras tem apenas Saconni, Diego e Valdivia, os últimos possíveis alvo das respectivas seleções.

O bate-boca se estendeu, com Luxemburgo acusando Milton de persegui-lo pessoalmente. Já Milton disse que “não vai debater com esse senhor” e que fala apenas de futebol.

Aleluia! Um treinador que não engole sapos da imprensinha.

* Segundo Caio Filardi o programa será reprisado hoje, sexta, às 23h30

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro Palmeirense, aqui você pode fazer seu comentário. Como bom Palmeirense CORNETE!!!